Robótica na Pintura Anticorrosiva 

A Petrobras, que é uma referência de empresa, sempre preocupada com a saúde e segurança de seus trabalhadores, junto com o Instituto Senai de inovação em sistemas de manufatura Senai-SC, desenvolveram o projeto (Robô de Pintura) nas instalações do Senai-SC nos últimos 6 anos. A solução foi utilizada agora em grande escala e sucesso, na plataforma P-47 da Petrobras, neste mês de março de 2021. O Robô vai além da preparação de superfície e pintura, com maior eficiência e redução de Homem Hora Exposto ao Risco (HHER). Suas funcionalidades cumprem os procedimentos de pintura estabelecidos pelas principais normas de preparação de superfície por jateamento abrasivo (em circuito fechado) e pintura. Ambos possuem implementos de inspeção durante a aplicação do esquema de pintura. 

Fazendo uma comparação com a pintura anterior do costado da P-47, que foi feita com a utilização de pintores escaladores, a mesma não obteve alta produtividade, pois os pintores escaladores somente podiam realizar suas atividades quando os ventos eram menores que 20 nós, aceleração lateral da plataforma menor que 2 graus, ondas menor que 2 metros e sem aproximação de embarcação. Com todas estas restrições a serem respeitadas, em 6 meses de trabalhos realizados, a produtividade foi de somente 40m2.

Já nos trabalhos realizados recentemente, o robô de pintura pôde operar sem as restrições acima citadas e sua produtividade se mostrou bem superior. Durante o embarque realizado de 14 dias, foram pintados 80 m2, ou seja, aumento de produtividade de 48 vezes, sem contar na redução de embarques das equipes de pintura. A redução de custos indiretos com logística e hotelaria geraram um ganho de R$3,8MM. O serviço piloto realizado com o Robô foi um sucesso e sua aplicação em maior escala trará redução significativa de HHER, otimização de custos e ganhos para todos.

0

Leave a Reply

Your email address will not be published.